domingo, 27 de agosto de 2017

Raio-x La Liga 2017/2018

Acabou a era dos medianos. E durou pouco, uma temporada. Foi encerrado o período sem título do maior campeão espanhol. Os “Blancos” estão de volta e mais do fortes do que nunca. Em uma jornada na qual o Barcelona perde corpo e precisa se recuoerar, a tendência é que o Real Madrid tenha mais facilidade para construir o bicampeonato consecutivo de La Liga. Mas e os outros clubes? Tem também o Atlético de Madrid. É verdade, não vamos descartar os Colchoneros. Ademais, os postos de figurantes.

A terra dos gigantes Messi e Cristiano Ronaldo está orfã de Neymar. A vantagem é toda do Real Madrid (Tribuna do Cisco)


FAVORITOS AO TÍTULO

Atlético de Madrid
Títulos: 10
Posição em 2016/2017: 3°
Técnico: Diego Simeone
Principal Jogador: Antoine Griezmann
Aposta: -

Griezmann permaneceu e isso é fundamental (AP)
O ano passado não foi de grandes feitos do Atlético de Madrid. Apesar da equipe chegar as semifinais da Liga dos Campeões da Europa, mais uma eliminação para o Real Madrid apresenta um Atleti frágil. Por outro lado, diante da fragilidade no seu grande clássico, o time não encontra maiores dificuldades contra a maioria dos adversários no continente europeu.

Para a temporada, os Colchoneros não fizeram grandes apostas, as principais contratações foram as manutenções do técnico Simeone e também da estrela Antoine Griezmann. O assédio pelo atacante francês foi enorme, mas a gratidão e o amor por Madri falaram mais alto.

No mais, o time do Atlético é praticamente o mesmo da temporada passada. Por causa disso, o time deve terminar a competição no G-4, mas não tem bala para competir de igual para igual com o Real Madrid. Vai ser o terceiro colocado.

Barcelona
Títulos: 24
Posição em 2016/2017: 2°
Técnico: Ernesto Valverde
Principal Jogador: Lionel Messi
Aposta: Ousmane Dembélé

Muito dinheiro gasto é investimento? Para o Barcelona, os riscos são maiores do que um possível retorno dentro de campo. Nesta temporada, os catalães receberam 222 milhões de euros só pela transferência de Neymar para o PSG. Porém, gastaram 165 milhões com contratações um tanto quanto controversas. Foram 30 milhões pelo lateral-direito Semedo (Benfica), 40 milhões por Paulinho (Guangzhou Evergrande) e 105 milhões por Ousmane Dembélé (Borussia Dortmund). Ainda deve gastar um valor ainda maior por Philippe Coutinho, meia do Liverpool.

Ele vem? Vai sim! (Getty Images)
Dentro de campo, o final da temporada passada e o início da nova foram melancólicos. Um desempenho bem abaixo do esperado quando se observa tantas estrelas jogando. O Barcelona enfraqueceu e a responsabilidade em cima de Messi e Luis Suárez aumentou.

Coube a Ernesto Valverde a missão de comandar um elenco difícil de lidar. Um ex-atleta da casa para repetir os êxistos de Guardiola e também de Luis Enrique.

Assim como o Atlético e o Real Madrid, o time é bem parecido como o do ano passado. Contudo, a saída de Neymar implica em uma queda de qualidade imensa no clube culé. Vai ser o principal desafio do Barça em tempos de Real Madrid absoluto.

Real Madrid
Títulos: 33
Posição em 2016/2017: 1°
Técnico: Zinedine Zidane
Principal Jogador: Cristiano Ronaldo
Aposta: Dani Ceballos

Showtime! O Real Madrid é o time do momento, e já faz dois anos. O clube de Zinedine Zidane foi o primeiro a conquistar duas vezes a Liga dos Campeões de maneira consecutiva nesse novo formato. Além disso, o clube encerrou uma seca de cinco anos sem conquistar o Campeonato Espanhol. Para o Madrid, o gênio francês já é mais importante como técnico ou jogador? Acompanhemos o futuro.

Marco Asensio não sente a pressão com 21 anos
(Getty Images)
Com o melhor zagueiro do planeta na atualidade, que é Sergio Ramos, o melhor meio de campo do futebol, composto por Casemiro, Kroos, Modric e Isco (a melhor surpresa da escalação no ano passado), e Cristiano Ronaldo, o melhor do mundo, Zidane carrega a equipe a ser batida no continente.

Como reforços, o Real apostou em jovens promessas espanholas. Chegaram o zagueiro Jesús Vallejo (de volta de empresto junto ao Frankfurt), o lateral-esquerdo Theo Hernandéz (Alavés) e meia Dani Ceballos (Betis, o destaque da Euro Sub-21).

O Real Madrid volta a ser disparado o melhor time do mundo. Esbanjando talento e conjunto, os Merengues são temidos e não sentem a pressão nem mesmo jogando no Camp Nou. Em 2017/2018, o Real Madrid vai ser campeão espanhol.

OS FIGURANTES

Entre os coadjuvantes, o Sevilla segue como o principal destaque. O time que perdeu Jorge Sampaoli trouxe outro argentino, Eduardo Berizzo. E mais, os sevilistas repatriaram Éver Banega (Internazionale) e Jesús Navas (Manchester City), além de gastar uma fortuna pelo atacante Luis Muriel (Udinese), a maior contratações da história do clube. Deve garantir a quarta vaga no G-4.

Outro que se destacou no mercado foi o Valencia. Os Morcegos modificaram o time, apostaram em uma nova filosofia para resgatar a história de um clube que flertou com o rebaixamento nas últimas temporadas. O goleiro Neto (Juventus), os zagueiros Gabriel Paulista (Arsenal) e Jeison Murillo (Internazionale) e Geoffrey Kondgbia (Internazionale). As apostas em Mestalla são para não sofrer mais.

O Villarreal se livrou de Soldado e apostou em Carlos Bacca. O Athletic Bilbao segue o seu roteiro. O Celta normalmente apronta e os resto composto por figurantes. A Liga Espanhola é a terra de apenas três clubes, com ampla vantagem para o Real Madrid e um ponto de interrogação no Barcelona. Vai dar Madrid!

Palpite: Real Madrid 

Zinedine Zidane: um ano e meio de trabalho e sete títulos (Getty Images)