quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Bola de Ouro do amanhã

Cristiano Ronaldo chegou ao seu tricampeonato do prêmio de melhor jogador do mundo, está a um de se igualar a Lionel Messi, o argentino tem quatro prêmios e segue intocável no top 3 da FIFA/France Football. Desde 2008, português e argentino dominam a eleição e devem permanecer nessa condição por pelo menos mais dois ou três anos, todavia apresentamos atletas que podem herdar ou até mesmo disputar a Bola de Ouro com os dois que já estão na lista de melhores jogadores da história do futebol, será que, no auge alguém pode bater Ronaldo e Messi também em seus auges? Duvido muito, mas aqui vão jogadores com muito talento.
Craques da atualidade que podem herdar a Bola de Ouro de Ronaldo e Messi. (Tribuna do Cisco)
Neymar 22 anos (Barcelona - Brasil)

Neymar é a joia do Brasil atual.
(FIFA)
A maior esperança do futebol brasileiro parece ter acordado em solo catalão, melhorou bastante se formos comparar com sua temporada de estreia em 2013/2014. Neymar hoje é peça fundamental no onze inicial do Barcelona, apesar de não apoiar o técnico Luis Enrique, o brasileiro tem tudo para se firmar no futebol europeu e a sétima colocação no ranking da FIFA já o coloca como um dos candidatos a aprontar em um futuro próximo. Com a concorrência feroz com Messi no Barcelona, Neymar tem como trunfo a Seleção Brasileira, lugar onde ele é protagonista e ídolo máximo na atualidade, os números provam como ele é eficiente e talentoso, destacando também o seu apelo publicitário, é sem dúvida a arma do Brasil para voltar a figurar o top 3 da FIFA.

Gareth Bale 25 anos (Real Madrid – País de Gales)

Bale, o senhor marketing também
 tem muito talento. (Mirror)
Para mim, Gareth Bale foi tão importante quanto Dí Maria e Cristiano Ronaldo na décima conquista do Real Madrid na Liga dos Campeões da Europa, o galês é símbolo de talento e dedicação, apresentando uma velocidade impressionante, além de ser um ótimo finalizador, incluindo cobranças de falta. Bale rende bem desde que foi contratado pelo Tottenham, a joia virou realidade e já fez mais do que poderia para provar que merece figurar a lista de melhores jogadores do planeta. Em números, Gareth Bale é melhor que Neymar, além disso, também é um marqueteiro de primeira, tendo tudo para figurar esse top 3 futuramente, contudo o grande problema para o galês é o ego do seu companheiro português, até quando será que ele poderá suportar o interesse em somente conquistas coletivas? Chegará um momento que o talento individual falará mais alto e Bale deverá esperar Ronaldo deixar Madri ou ele mesmo terá que deixar os Merengues para entrar de vez nessa briga de gente grande.

Ángel Dí Maria 26 Anos (Manchester United – Argentina)

Dí Maria é o mais
 velho da lista. (FIFA)
Jogador mais fora de série do futebol sulamericano no ano passado, Ángel Dí Maria não aquele atleta que prioriza o marketing, é por isso que ele não aparece tanto quanto merecia. Eleito melhor jogador da final da última Liga dos Campeões, partida que deu ao Real Madrid a sonhada décima conquista, Dí María não foi valorizado pelo que clube que ele tanto ajudou nos anos em que esteve na capital espanhola, chegando a ser trocado por James Rodríguez e deixando o clube pela porta dos fundos, como? Mas o quê? Por quê? Florentino Pérez e Carlo Ancelotti não apresentaram uma justificativa adequada para dispensar o melhor meio campo do seu plantel, esses problemas levaram o argentino para Manchester. Algumas boas partidas, algumas bem meia boca, o fato é que Dí Maria foi para um clube em reconstrução e ainda não pode mostrar do que é capaz, isso provavelmente atrasará um pouco do futebol do argentino, mas também será um desafio interessante caso ele realmente almeje voos ainda mais altos.

Paul Pogba 21 anos (Juventus – França)

Pogba é o mais jovem. (FIFA)
Dizem que o futebol italiano está em decadência, nomes como Paul Pogba provam o contrário, o menino que se firmou como principal estrela da Juventus na temporada tem jogado um futebol digno de Zinedine Zidane, destacando o belo gol diante do Napoli em pleno San Paolo. Poucos têm observado o gênio de apenas 21 anos, mas é bem provável que ele alcance Messi e Ronaldo antes dos demais citados aqui, Pogba foi eleito a revelação da Copa do Mundo com muita injustiça, isso porque ele já era mais do que uma revelação no Mundial do Brasil, já era um atleta pronto, pronto para brilhar e carregar a França até as quartas de final. Vestindo as cores que Zidane vestiu, aprendendo diretamente com nada mais nada menos que Buffon e Pirlo, Pogba segue no rumo certo para se tornar o melhor jogador do mundo, não falta talento, falta atenção de críticos, técnicos e atletas, Pogba será o melhor jogador do mundo mais cedo ou mais tarde.

James Rodríguez 23 anos (Real Madrid – Colômbia)

O artilheiro da Copa tem concorrência
 dentro do clube. (FIFA)
Com personalidade desde garoto, James teve talento e faro de gol na Copa do Mundo, desbancando grandes atacantes e se consagrando artilheiro da competição. Suas atuações e seu apelo midiático o colocaram no Real Madrid e o colombiano não tem deixado a desejar jogando na catedral do futebol, já vieram títulos e muitos gols, o meia se firmou como titular e fez o Real não sentir tanto a saída de Dí Maria, resta saber se Florentino vai utilizar sua nova arma ou se livrará dele em um futuro próximo, esperemos que o mantenha por um bom tempo. O problema para o autor do gol mais bonito de 2014 é o mesmo probleminha de Gareth Bale, uma concorrência feroz que inclui o melhor jogador do mundo, em Madri, James é mais passador, pensa mais no coletivo e acaba deixando de lado o aspecto individual. Apesar disso, James Rodríguez virou o cara da seleção colombiana, superando até mesmo Falcao Garcia, é o trunfo ideal para o meia mostrar o futebol que também pode substituir os monstros Messi e Ronaldo na eleição da Bola de Ouro.

Mario Götze 22 anos (Bayern de Munique – Alemanha)

Götze tem Pep Guardiola como
 trunfo para despontar. (FIFA)
Esse cara mostrou personalidade e foi capaz de marcar o gol de título de Copa do Mundo para a Alemanha, detalhe, Mario Götze tem apenas 22 anos e é considerado a maior joia do futebol alemão dos últimos tempos, pelo menos mais habilidade que Ballack ele tem. Com 21 anos, Götze ficou famoso ao trocar Dortmund por Munique e gerar desconforto no clube em que ele era ídolo e fora revelado, mas a carreira foi priorizada e o garoto já tem status de intocável no elenco de Pep Guardiola, aliás, ele escolheu o cara certo para se trabalhar. É um prodígio, sem dúvidas, será o melhor jogador alemão e brigará com unhas, dentes, gols e títulos para se tornar o melhor jogador do mundo, porém, além de esperar Ronaldo e Messi, Götze terá que esperar Ribéry e Robben para assim ser o principal nome do Bayern de Munique, esse processo irá demorar um pouco.

David De Gea 24 anos (Manchester United – Espanha)

De Gea tem sido mais que
um goleiro. (Manchester United)
Por fim, apresento um goleiro que, na minha opinião, tem atuado melhor que até mesmo Manuel Neuer na temporada 2014/2015. Calma, calma! Neuer foi eleito o terceiro melhor jogador do mundo e tem todo o mérito nessa conquista, afinal de contas, é um goleiro fora do comum, mas David De Gea tem sido o melhor jogador do Manchester United na temporada atual, entrando no top 3 de atletas da Premier League. Suas atuações na liga nacional mais equilibrada do mundo o colocam na mira de outros gigantes, além disso, ele irá assumir a titularidade na seleção espanhola, com apenas 24 anos, De Gea mostra talento de sobra e maturidade de gente grande, é um goleiro moderno e rivaliza sim com Neuer no futebol atual. David De Gea mostra porque goleiro pode disputar a Bola de Ouro, assim como Neuer disputou na última edição, mas para o goleiro chegar a esse patamar ele terá que continuar com suas atuações geniais e levar o Manchester a conquistas e assumir de vez a titularidade na Fúria, é um dos goleiros do momento e será o melhor por um bom tempo.