quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Top 10 – Mercado de verão europeu 2014/2015

O mercado de verão europeu chegou ao fim, dessa forma, preparei um top 10 com as melhores aquisições dos gigantes para a temporada 2014/2015, veja como seu time utilizou sua verba para reforçar o elenco e opine conosco em mais uma aventura no esporte entre amigos. Clique em mercado de verão europeu (acima) e confira boa parte das transferências, abaixo, observe nosso top 10.
As melhores aquisições da janela de verão 2014/2015. (Tribuna do Cisco)
10 - Nemanja Vidić (Manchester United – Internazionale): Um líder, um excelente profissional e um dos melhores zagueiros do planeta, apesar de mais experiente, o sérvio Vidić não custou nenhum centavo aos cofres da Internazionale de Milão, esperou o seu contrato com o Manchester United acabar e seguiu para a capital da moda para tentar reerguer o futebol dos Nerazzurri. Na Itália, Vidić já está adaptado e é questão de tempo para o zagueiro “roubar” a faixa de capitão, tem tudo para dar certo, para mim, foi o melhor reforço da Serie A Tim para a nova temporada e ganha a décima colocação na nossa classificação.

9 - Antoine Griezmann (Real Sociedad – Atlético de Madrid): Uma das boas revelações da Copa do Mundo também é uma das revelações do futebol europeu, o muito jovem Griezmann foi uma excelente contratação do visionário Diego Simeone, o ponta pode fazer várias funções e, sem dúvidas, fará muito boa companhia a Arda Turan e Koke, o Cholo foi certeiro ao mirar as verbas dos Colchoneros no francês, nosso nono colocado.

8 – Mario Mandzukic (Bayern de Munique – Atlético de Madrid): Depois de perder meio time, incluído seu grande artilheiro e craque da equipe, o Atlético de Madrid precisava de alguém para responder aos demais clubes que ainda teria fôlego para brigar de igual para igual, foi aí que a estrela de Diego Simeone novamente brilhou e Mario Mandzukic foi contratado, o atacante croata já mostrou a que veio e foi protagonista no título da Super Copa da Espanha. Será difícil que Mandzukic consiga repetir os números de Diego Costa, mas ele pode substituir à altura graças ao seu comprometimento e faro de gol.

7 – Medhi Benatia (Roma – Bayern de Munique): Campeonato decadente, enfraquecido e com pouquíssimos destaques? Que nada! O Calcio apresentou para o mundo o melhor zagueiro da temporada 2013/2014, foram as impecáveis atuações de Medhi Benatia que levaram a Roma ao vice-campeonato nacional, atuações essas que encheram os olhos de Pep Guardiola, o espanhol fez o Bayern investir pesado na contratação do marroquino. Caso jogue como jogou por Udinese e Roma, Benatia logo vai conseguir barrar Boateng ou Dante, afinal de contas, o zagueiro é muito melhor que o alemão e o brasileiro. A visão de Pep colocou Benatia no Bayern, as atuações de Benatis o colocaram na nossa sétima colocação.

6 – Luis Suárez (Liverpool – Barcelona): Muitas contratações controvérsias fizeram quase todos os críticos não levarem a sério a “renovação” do Barcelona, contudo, apostar em Luis Suárez é ter a certeza de muitos gols e ótimo futebol, o polêmico uruguaio vacilou na Copa do Mundo, por isso, só poderá estrear pelo clube culé em outubro, a torcida, a direção e os amigos do esporte esperam muito ansiosos para que outubro chegue para então vermos o que Suárez será capaz de fazer atuando ao lado de ninguém menos que Lionel Messi, uma dupla fantástica!

5 – Diego Costa (Atlético de Madrid – Chelsea): Mesmo participando do fiasco espanhol no Mundial do Brasil, Diego Costa foi, para mim, um dos melhores jogadores da temporada passada, sendo fundamental na conquista de La Liga e pelo vice-campeonato europeu pelo Atlético de Madrid, suas atuações continuam em um nível acima da média, a prova disso é que o hispano-brasileiro já é o artilheiro da Premier League, eu coloco Diego Costa como o melhor jogador brasileiro na atualidade, para a tristeza e lamentação de Felipão, Parreira, Marin e companhia. Pontos para Mourinho, pontos para Vicente Del Bosque!

4 – Toni Kroos (Bayern de Munique – Real Madrid): O Bayern tentou vetar, o Manchester United tentou e o Real Madrid confirmou, Toni Kroos se firmou como grande craque ao ser um dos destaques na campanha do tetracampeonato mundial pela Alemanha. Florentino Pérez não pensou duas vezes e pagou o preço necessário para contar com o talento alemão, foi o casamento perfeito, Toni Kroos foi a melhor contratação do time campeão europeu para a temporada, sem falar que ele é o único que pode suprir o buraco deixado após a saída de Dí Maria. Contudo, Kroos figura apenas nossa quarta colocação.

3 – Robert Lewandowski (Borussia Dortmund – Bayern de Munique): Gastar milhões em um craque no auge já vale a pena e contratar um craque no auge não gastando exatamente nada é ainda melhor, foi isso que o Bayern de Munique fez ao “tirar” Robert Lewandowski do rival Borussia Dortmund. Pep Guardiola deu o aval e o polonês não terá concorrência, é o titular garantido e já demonstra seu valor, tem tudo para se tornar o grande jogador da equipe, Lewa é a arma que o técnico espanhol esperava para bater de frente com o Real Madrid de Ancelotti, apostaria no sucesso do camisa 9.

2 – Falcao García (Monaco – Manchester United): Talvez se tivesse sido na temporada passada, provavelmente seria o nosso número um, entretanto, Falcao optou por um projeto arriscadíssimo e sacrificou uma temporada em Monaco. Van Gaal pouco se importou com o fraco desempenho do colombiano no principado e fez o United investir pesado em Falcao, o craque agora retorna ao grande futebol e terá a prova de fogo para fazer os Diabos Vermelhos voltarem a brilhar e também render o esperado ao fazer gols. Vale destacar a união do trio Van Persie, Rooney e Falcao, tem tudo para ser o ataque mais temido da Europa!

1 – Ángel Dí Maria (Real Madrid – Manchester United): Eu não tenho dúvidas nem me importo com críticas ao afirmar que Dí Maria foi o grande craque da última temporada, é verdade que Cristiano Ronaldo é de outro mundo, também é verdade que Bale foi o homem que garantiu o título de Copa do Rei e da UEFA Champions League para o Real Madrid, porém, o encaixe de Ángel Dí Maria no esquema tático de Ancelotti fez elevar o nível da equipe Madridista e tornar possível o sonho de conquistar La Decima. Hoje, Dí Maria é o cara que se encaixa em qualquer clube do mundo e o Manchester fez tudo certo, investiu pesado na peça que faltava para resgatar o sucesso da equipe, Dí Maria vai precisar ligar o meio ao excepcional ataque dos Diabos, outro objetivo para o meia é fazer com que Juan Mata volte  jogar bem, isso não tem acontecido, mas acredito que com Ángel Dí Maria no elenco, o United vai sim voltar a brigar onde merece, é o nosso número um, foi a melhor contratação da janela!