segunda-feira, 28 de outubro de 2013

O jovem escreve a história

O que todos já esperavam aconteceu, Sebastian Vettel dominou mais uma prova e se consagrou o tetracampeão mais jovem da história da Fórmula 1. O alemão acabou com a temporada 2014 e nem deu chances para grandes rivais como Fernando Alonso ou Kimi Raikkonen. O Grande Prêmio da Índia foi logo definido no sábado, isso porque o alemão fez mais uma pole, a décima terceira na atual temporada, e logo tratou de vencer mais um GP.
O tetracampeão mais jovem da história da Fórmula 1 (Tribuna do Cisco)

Na largada da corrida, uma surpresa, Felipe Massa, que largara na quinta colocação, se aproveitou da lambança de Webber, Raikkonen e Alonso para ganhar posições. O brasileiro subiu para a segunda colocação. Vettel não largou bem e por pouco não foi ultrapassado por Hamilton, porém campeão também conta com sorte e, misturando com talento, Sebastian manteve a ponta. Contudo Nico Rosberg se destacou, deixou logo na primeira volta seu companheiro Hamilton para trás.

Um fato inusitado logo no início da prova, Vettel foi aos boxes e voltou em décimo sétimo, daí quem assumiu a liderança, quem? Quem? Ele mesmo, Felipe Massa sentiu, pela primeira vez na temporada, o gostinho da liderança, uma pena, durou pouco tempo. Quem está aproveitando o fim de temporada para mostrar a que veio é Daniel Ricciardo, o australiano discípulo de Webber, chegou a terceira colocação da prova.

Tristeza foi o fim de prova para Webber, o piloto que está prestes a se aposentar fazia uma boa prova, todavia seu carro novamente deu uma pane, acabando, mais uma vez, com o desejo do australiano de vencer uma corrida no ano do seu adeus. A corrida nem foi tão boa para os outros gigantes, Hamilton em sexto, Raikkonen terminou em sétimo, Alonso apenas em décimo primeiro, a consagração era realmente para Sebastian Vettel, absoluto, excepcional, imbatível... TETRACAMPEÃAAO!

Com a décima vitória na temporada, Vettel (tetracampeão) chegou aos 322 pontos, Alonso ainda luta para terminar em segundo, o espanhol tem 207 pontos, deve confirmar o vice-campeonato. Kimi Raikkonen é terceiro, com 183 pontos. Entre as equipes, a RBR já é campeã, tem 470 pontos, contra 313 da Mercedes e 309 da Ferrari.
Só deu ele! Vettel confirma mais uma dinastia alemã na F1. (Tribuna do Cisco)

A temporada ainda terá 3 corridas, Abu Dhabi (Yas Marina), EUA (Austin) e Brasil (Interlagos), é óbvio que perde um pouco de emoção, mas temos que acompanhar o absoluto Vettel seguir seu show, o alemão tem tudo para vencer as três provas. Também temos que torcer para Felipe Massa, o brasileiro precisa mostrar que ainda é competitivo para assim, arrumar um emprego para 2014. Nos encontramos em 3 de novembro, no Grande Prêmio dos Emirados Árabes, até lá!

Grande Prêmio da Índia (Nova Déli) – Resultado final:
1) Sebastian Vettel (ALE/RBR), 1h31m12s187 (25 pontos)
2) Nico Rosberg (ALE/Mercedes) + 29s823 (18)
3) Romain Grosjean (FRA/Lotus) + 39s892 (15)
4) Felipe Massa (BRA/Ferrari) + 41s692 (12)
5) Sergio Pérez (MEX/McLaren) + 43s829 (10)
6) Lewis Hamilton (ING/Mercedes) + 52s4  (8)
7) Kimi Raikkonen (FIN/Lotus) + 1m07s900 (6)
8) Paul Di Resta (ESC/Force India) + 1m12s800 (4)
9) Adrian Sutil (ALE/Force India) + 1m14s700 (2)
10) Daniel Ricciardo (AUS/STR) + 1m16s200 (1)
11) Fernando Alonso (ESP/Ferrari) + 1m18s200
12) Pastor Maldonado (VEN/Williams) + 1m18s900
13) Jean-Eric Vergne (FRA/STR) + 1 volta
14) Jenson Button (ING/McLaren) + 1 volta
15) Esteban Gutiérrez (MEX/Sauber) + 1 volta
16) Valtteri Bottas (FIN/Williams) + 1 volta
17) Max Chilton (ING/Marussia) + 2 voltas
18) Jules Bianchi (FRA/Marussia) + 2 voltas
19) Nico Hulkenberg (ALE/Sauber) + 6 voltas

Abandonaram:
Mark Webber (AUS/RBR) - com 40 voltas
Charles Pic (FRA/Caterham) - com 36 voltas
Giedo van der Garde (HOL/Caterham)  - com 2 voltas

Volta mais rápida: Kimi Raikkonen (FIN/Lotus), 1m27s679