segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Reluzente campeão

O Grande Prêmio de Cingapura simplesmente animou o fim de semana, surpreendente, emocionante e mais uma vitória de Sebastian Vettel, que beira o tetra cada vez mais. Futuros parceiros de equipe, Fernando Alonso e Kimi Raikkonen completaram o pódio. Felipe Massa terminou na sexta colocação, confira como foi a glamorosa prova que encanta as noites de Cingapura.
Único candidato ao título, Vettel continua sobrando na F1 2013. (Reuters)
Na largada, uma grande surpresa, Nico Rosberg deu um susto na RBR ao ultrapassar seu compatriota Vettel, mas foi só um pequeno bote, Vettel recuperou a ponta logo na curva a frente. Felipe Massa largou em sexto, e por ironia do destino, de lá não saiu. Fernando Alonso deu mais um espetáculo para os amigos do esporte, o espanhol largou na sétima colocação e saltou para terceiro, Fernando é realmente o cara! Todavia quem realmente mereceu os aplausos foi Kimi Raikkonen, o novo contratado da Ferrari, correu com muitas dores nas costas, teve que ir logo no início para os boxes e, depois disso, fez uma corrida espetacular, méritos também para a Lotus.

Vettel, mais uma vez, sobrou na pista, abrindo vários segundos de vantagem para Rosberg, Alonso já era terceiro, Webber, Grosjean e Hamilton vinham logo atrás, Felipe Massa estava na sétima colocação. O acidente que transformou a prova aconteceu na 25° volta, em uma das curvas mais complicadas da F1, Daniel Ricciardo freou muito tarde e acabou se chocando com a barreira, destruindo a parte frontal de sua STR, era o fim para o futuro parceiro de Vettel.

Safety car na pista e várias estratégias em jogo, vários pilotos aproveitaram para ir aos boxes, outros optaram por ganhar vantagem, foi o caso de Vettel. Quem se deu mal foi Grosjean, o francês que está muito bem comportado na atual temporada, sofreu com problemas no motor de sua Lotus, tentando continuar na prova, o piloto forçou bastante o carro, fazendo com que o mesmo decepcionasse o público, Grosjean abandonou o GP.

No fim da prova, um contraste espetacular dos pilotos da RBR, enquanto Vettel completava a prova e chegava a sua sétima vitória na temporada, Mark Webber teve problemas com seu carro, que acabou pegando fogo, fazendo com que o australiano perdesse posições e terminasse na decepcionante décima quinta colocação. Fogo no carro de Webber e show de fogos de artifício em Cingapura, Vettel, Alonso e um surpreendente Kimi Raikkonen fecharam o pódio num dos GPs mais charmosos da Fórmula 1.

Vettel agora tem 247 pontos e continua sua saga rumo ao título, Fernando Alonso tem 187 e ruma mais uma vez para o vice campeonato. Lewis Hamilton é terceiro com 151 pontos, ainda sofre com o carro da Mercedes e precisa se adaptar, Raikkonen vem logo atrás com 149 e pode ultrapassar Hamilton no próximo Grande Prêmio.
O GP de Cingapura em 4 atos, pódio com 3 campeões mundiais. (Tribuna do Cisco)

Entre as equipes, a RBR já é campeã, a equipe austríaca tem 377 pontos, muito graças a Sebastian Vettel, mas óbvio que a equipe tem méritos. A Ferrari é vice-líder, com 274 pontos, é claro que ainda dá para surpreender, mas é muito complicado. A Mercedes é terceira com 267 e a Lotus está em quarto com 206 pontos. A Fórmula 1 segue na Ásia por mais 4 provas (Coréia do Sul, Japão, Índia e Emirados Árabes), a primeira delas acontece no primeiro fim de semana de outubro, no Grande Prêmio de Yeongam na Coréia do Sul.

Grande Prêmio de Cingapura – Resultado:

1) Sebastian  Vettel (ALE/RBR): 61 voltas em 1h59m13s132    
2) Fernando Alonso (ESP/Ferrari) + 32s627                     
3) Kimi Raikkonen (FIN/Lotus) + 43s920              
4) Nico Rosberg (ALE/Mercedes) + 51s155                    
5) Lewis Hamilton (ING/Mercedes) + 53s159                      
6) Felipe Massa (BRA/Ferrari) + 1m03s877                     
7) Jenson Button (ING/McLaren) + 1m23s354             
8) Sergio Pérez (MEX/McLaren) + 1m23s820            
9) Nico Hulkenberg (ALE/Sauber) + 1m24s261             
10) Adrian Sutil (ALE/Force India) + 1m24s668            
11) Pastor Maldonado (VEN/Williams) + 1m28s479             
12) Esteban Gutiérrez (MEX/Sauber) + 1m37s894             
13) Valtteri Bottas (FIN/Williams) + 1m45s161              
14) Jean-Eric Vergne (FRA/STR)+ 1m53s512      
15) Mark Webber (AUS/RBR) + 1 volta        
16) Giedo van der Garde(HOL/Caterham) + 1 volta             
17) Max Chilton (ING/Marussia) + 1 volta            
18) Jules Bianchi (FRA/Marussia) + 1 volta           
19) Charles Pic (FRA/Caterham) + 1 volta             

Não completaram:

Paul Di Resta (ESC/Force India) +  7 voltas           
Romain Grosjean (FRA/Lotus) + 24 voltas             
Daniel Ricciardo (AUS/STR) + 38 voltas