domingo, 2 de junho de 2013

The Masters!

Uma semana após o fim da UEFA Champions League, a Tribuna preparou um pequeno levantamento do que melhor aconteceu na competição, melhores jogadores, melhores jogos, melhores técnicos, gols mais bonitos, ou seja, tudo que nos encantou durante toda a temporada 2012/2013, confiram e vejam se vocês concordam ou discordam.
Dominou a Europa, o Bayern conquistou a tríplice coroa. (Reuters)

3° Chelsea 2 x 2 Juventus:

Oscar amplia para o Chelsea, Juve empatou na raça. (AP)
Nada melhor do que abrir a nova temporada com o atual campeão entrando em campo, melhor ainda foi ver o brasileiro Oscar estrear com o pé direito no maior torneio de futebol do planeta. O jogo foi simplesmente sensacional, vimos um Chelsea muito renovado, recheado de jovens promessas, mas o time jogou muito bem e logo abriu 2 a 0, dois do brasileiro Oscar, sendo o primeiro uma pintura que comentaremos mais tarde. A Juventus, muito fortalecida, diminuiu ainda na primeira etapa com o sempre eficiente Arturo Vidal, e com um segundo tempo arrasador, a Velha Senhora empatou o jogo com Quagliarella, 2 a 2 e fim de papo. Quem colocava os dois times como favoritos, errou por muito, o Chelsea deixou a competição logo na fase grupos, enquanto a Juve foi arrasada pelo campeão Bayern.

2° Borussia Dortmund 1 x 2 Bayern de Munique:

Robben marca para o título bávaro. (Planeta Esporte)
Há muito tempo que não víamos uma final como essa, os alemães deram um show, jogo corrido, com brilho dos dois adversários, valeu a pena cada minuto. O Borussia começou pressionando, demais até, mas Neuer não permitiu o gol dos aurinegros e mandou os bávaros pra cima. O time de Munique reagiu, por pouco não marcou com Mandzukic, mas Weindenfeller também não deixou e o primeiro tempo terminou assim, tudo igual. Na segunda etapa o Bayern chegou ao gol, com uma bela jogada de Robben, Mandzukic aproveitou e deixou o Bayern mais próximo do penta. Gundogan empatou de pênalti, a Muralha Amarela ainda tinha esperanças, mas não teve jeito, Robben marcou nos últimos minutos e deu o título ao time de Jupp Heynckes. É por essas e outras que consideramos esse o segundo melhor jogo da Liga dos Campeões 12/13.

1° Borussia Dortmund 3 x 2 Málaga:

Mosaico perfeito! Jogo perfeito! (AFP)
A partida das duas maiores sensações da competição, o Borussia precisava vencer, enquanto o Málaga só precisava empatar com gols. Antes da partida começar, a cena mais fantástica da história da Liga 12/13, a Muralha Amarela apresentou seu feito mais fantástico, um lindo mosaico, algo jamais visto na história do esporte, também ficará na história do futebol. No jogo, o Málaga abriu o placar com Joaquín, o gol calaria os 80 mil presentes? Nada disso, em uma belíssima jogada, Lewandowski empatou.

O jogo não parou, emoção a todo instante, o Málaga surpreendeu o mundo e voltou a frente com Eliseu, grande jogada de Júlio Baptista. Caminhando para o fim, os alemães já estavam meio que desacreditados, até que Marco Reus aproveitou, empatou e guiou o time para a classificação. No último minuto, no apagar das luzes, a bola sobrou nos pés do predestinado e em posição irregular, o brasileiro Felipe Santana virou o jogo e fez o estádio explodir de emoção, classificação suada que embalou de vez o Borussia na competição, foi o grande jogo da Liga.

3° Cristiano Ronaldo:

(UEFA.com)
Apesar de sempre ser ofuscado por Messi, o argentino foi atrapalhado por um lesão, e com isso, Ronaldo aproveitou a chance, foi um gigante na Liga, como sempre, é claro. O português foi o artilheiro da competição com 12 gols mesmo não tendo ido a final. Se o Real chegou até a semifinal, foi por causa de Ronaldo, ele foi o cérebro, habilidade e coração, com certeza, estará entre os 3 melhores do mundo.



2° Marco Reus:

(UEFA.com)
Quando Kagawa trocou o Dortmund pelo Manchester United muitos falaram que o time de Klopp não conseguiria manter a forma de jogar, e que também não iriam encontrar alguém que o substituísse à altura, contudo eis que surgiu Marco Reus, contratado junto ao Mönchengladbach, o atacante fez uma temporada arrasadora, assumiu não só o lugar do japonês, como tirou um pouco dos holofotes em cima de Götze, hoje em dia, ele é a peça principal do time alemão. Foi um dos grandes destaques do time vice-campeão europeu, também é eleito por nós o segundo melhor jogador da competição.

1° Javi Martínez:

(UEFA.com)
Só existiu uma melhor contratação do que a de Marco Reus pelo Borussia, essa contratação foi a de Javi Martínez pelo Bayern de Munique. Heynckes foi até o País Basco e apostou no futebol bem jogado de Martínez, o volante jogou tão bem que foi apelidado de “novo Kaiser” e fez jus ao apelido. Números impressionantes, uma temporada em que o espanhol bateu Messi, Cristiano Ronaldo e até mesmo seu companheiro de equipe, o holandês Robben. Campeão da tríplice coroa e mais uma Copa do Mundo e uma Eurocopa, a Espanha está muito bem servida de meio de campo. A Tribuna elege Javi como o melhor jogador da Champions 2012/2013.

3° Manuel Pellegrini:

(Genkbola)
Eliminado de maneira “injusta”, o Málaga de Pellegrini fez bonito na Champions, o time era limitado e o experiente treinador chileno chamou a responsabilidade, conseguiu unir o elenco e vencer times como o Milan e se classificar em primeiro na fase de grupos, o time só perdeu uma partida na Liga dos Campeões.  O trabalho de Pellegrini foi sensacional, mas o desmanche do Málaga parece inevitável, inclusive o técnico está próximo de um acordo com o Manchester City. Todavia a campanha do chileno jamais será esquecida, foi a primeira Champions do Málaga.

2° Jurgen Klopp:

(Borneo Insider)
Iniciando a temporada como bicampeão alemão, Jurgen Klopp e seus comandados jamais esperavam fazer uma Champions League tão fantástica, o Dortmund não só se classificou no grupo da morte (Real Madrid, Manchester City e Ajax), como arrasou com os adversários e se classificou como líder. Arrasando com o Shakhtar e suando para eliminar o Málaga e o Real Madrid, o Dortmund chegou muito motivado a final, mas nem Klopp conseguiu evitar o vice-campeonato. Apesar do vice, Klopp permanece sendo o técnico mais promissor do futebol, ele é aquele cara que mistura conhecimento com motivação, é um profissional diferenciado, porém, assim como o Borussia, Klopp fica com o vice.

1° Jupp Heynckes:

(Bettor)
Depois de um amargo tri-vice, o experiente técnico foi ao mercado, trouxe peças importantíssimas que colocou o Bayern no topo da Europa, Dante, Martínez, Mandzukic, etc. O Bayern jogou um futebol muito mais maduro, uma campanha sem nenhum erro, conquistou a tríplice coroa, foi a melhor maneira de Heynckes dizer adeus ao futebol, campeão de tudo! O melhor técnico da temporada. É por essa campanha que o Real Madrid segue seu rastro e tenta convencê-lo a mudar de ideia.


3° Benzema:

Voleio de Benzema (AP)
Golaço do francês! Ainda na fase de grupos, o Real enfrentou o Ajax, na Holanda, resultado: goleada espanhola, show de Cristiano Ronaldo e um lindo voleio de Benzema, um espetáculo, o 3° gol mais bonito da competição.



2° Mexés:

Mexés manda linda bicicleta. (AP)
O Milan fez uma péssima temporada, entretanto o momento histórico do time na atual temporada foi a pintura que o zagueiro Mexés fez contra o Anderlecht, uma bicicleta de fora da área que encobriu o goleiro, um lance espetacular, o Milan venceu por 3 a 1 e o francês marcou o segundo gol mais bonito da competição.



1° Oscar:

Oscar estreia com o pé direito. (Getty)
Pressão da estreia? Que nada! Oscar marcou logo dois gols em sua primeira partida na UEFA Champions League, recebeu, driblou Pirlo e mandou colocado, o gol, uma das cenas mais bonitas do futebol na temporada que acabou, a bola foi no ângulo. É por isso que o gol foi o mais bonito da competição.


Francisco Román Alarcón (Isco):
A grande revelação da temporada. (UOL)

Muitos jovens se destacaram, mas o jovem meia espanhol arrebentou, assumiu o posto de craque do Málaga, guiou o time até o último instante, sem dúvidas, Isco foi a grande revelação da UEFA Champions League dessa temporada. Gigantes como o Real Madrid já negociam com o craque, é um bom reforço para qualquer clube.