domingo, 30 de junho de 2013

Unidos por um grito de tetra

Final – Brasil 3 x 0 Espanha:

No tira-teima mais esperado dos últimos tempos, o Brasil arrasou com a seleção espanhola. Um jogo digno de Maracanã, com final feliz para o time verde amarelo, tetracampeão da Copa das Confederações.  Apesar da empolgação com o título conquistado, é preciso refletir sobre toda a evolução da seleção e manter os pés no chão, pois o principal é a Copa do Mundo. Ou seja, Felipão terá que trabalhar muito para extrair o melhor de todos os atletas e controlar a euforia, para não repetir os erros de Parreira em 2006, e de Dunga em 2010, no mais, tudo deu certo para o Brasil. A Espanha não jogou bem toda a competição, mas é notável que em 2009 o time deu um vexame contra os Estados Unidos na mesma Copa das Confederações, mas no outro ano voltou fortalecida e conseguiu o título mundial, Del Bosque sabe que nada está perdido e trabalhará muito o elenco para o ano que vem.
Show em conjunto, Brasil em dia de fúria! (Reuters/Tribuna do Cisco)

Azzurra fatura o 3° lugar e se fortalece para a copa


Disputa do terceiro lugar – Uruguai 2 (2) x 2 (3) Itália

Característico por ser um jogo com um gostinho bem amargo, o Uruguai encarou a Itália num sol escaldante, à uma hora da tarde da capital baiana. A Azzurra garantiu a terceira colocação ao vencer um jogo duro, apesar de não valer muita coisa, o time europeu deixou o campo muito satisfeito, enquanto a Celeste lamentou mais uma derrota.
Buffon garante o terceiro lugar para a Itália e Pirlo agradece. (Getty/Tribuna do Cisco)

sábado, 29 de junho de 2013

Fim da Guerra Fria! Brasil e Espanha vão se confrontar

Final dos sonhos, aquele jogo que há tempos todos queriam ver, o duelo da maior seleção da história do futebol, contra a melhor seleção da atualidade. Brasil e Espanha farão uma final digna de Maracanã, o mundo vai parar para a grande final da Copa das Confederações 2013, a melhor da história no quesito disputa e técnica. As duas seleções já se enfrentaram duas vezes em copas do mundo, com uma vitória para ambos os lados, o primeiro duelo foi vencido pela Fúria, 3 a 1 no mundial de 1934. Em 1950, na Copa do Mundo do Brasil, a seleção canarinho goleou por 6 a 1 os espanhóis, hoje sabemos que essa diferença de qualidade é praticamente igual ou até melhor para o lado espanhol, um tira-teima que ficará para a história.
Brasil e Espanha farão o jogo do ano. (Tribuna do Cisco)

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Até Jesús quer ver

Semifinal – Espanha 0(7) x 0(6) Itália:

Não teve jeito, o jogo que todos queriam ver vai mesmo acontecer, Brasil e Espanha farão a grande final da Copa das Confederações no domingo, um jogo digno de Maracanã. Na reedição da final da Euro do ano passado, os espanhóis levaram a melhor, mas dessa vez o jogo foi muito mais duro, com vitória da Fúria nas penalidades. A Itália surpreendeu à todos, mesmo desfalcado, o time jogou de igual para igual e por pouco não marcou no tempo normal e na prorrogação, porém, com o resultado, a Azzurra vai disputar o terceiro lugar com o Uruguai, a disputa mais amarga de todas as competições.
Jesús Navas converte o pênalti final e garante a Espanha. (Marca/Tribuna do Cisco)

Subiu Paulinho e adeus Uruguai

Semifinal – Brasil 2 x 1 Uruguai:

No confronto histórico dos dois últimos campeões da América, o Brasil saiu vencedor, sem dúvida o jogo mais emocionante do torneio até então, teve pênalti defendido, fortes entradas e a raça sulamericana de sempre. O Brasil de Scolari espera pelo vencedor de Espanha e Itália, torcendo para receber os espanhóis, um tira-teima que é esperado há tempos, para os uruguaios resta a disputa pelo terceiro lugar e tempo para focar nas Eliminatórias para a Copa do Mundo, em que a Celeste não está bem colocada.
No jogo mais "raçudo" da competição, Paulinho foi predestinado e garantiu o Brasil na final. (UOL/Tribuna do Cisco) 

segunda-feira, 24 de junho de 2013

Jordi Alba e mais 10, Espanha vence e Uruguai atropela

Grupo B:

Espanha 3 x 0 Nigéria:

Encerrando sua participação na primeira fase em grande estilo, a Espanha venceu com tranquilidade a seleção nigeriana, um 3 a 0 para lá de tranquilo, apesar de alguns “sustos”, é claro. O time de Vicente Del Bosque confirmou o favoritismo, terminou a fase de grupos líder e com 100% de aproveitamento, vai encarar a Itália, reeditando a final da última UEFA Euro, ocorrida no ano passado, naquela ocasião, os espanhóis mutilaram os italianos com uma vitória por 4 a 0, você pode rever esse jogo aqui em http://goo.gl/EW0Bt.
Fúria passa fácil e encara a Itália. (UOL/Tribuna do Cisco)

sábado, 22 de junho de 2013

100% Brasil e consolação mexicana

Grupo A:

Brasil 4 x 2 Itália:

No clássico mais esperado da primeira fase da Copa das Confederações, o Brasil saiu vencedor para cima da seleção italiana. A seleção brasileira confirma o 100% de aproveitamento e fica à espera do segundo colocado do grupo B, provavelmente o Uruguai, já a Azzurra vai ter que se contentar em enfrentar a líder do grupo B e do futebol mundial, a poderosa Espanha.
Fred desencanta e garante triunfo brasileiro. (Wager Carmo/Tribuna do Cisco)

sexta-feira, 21 de junho de 2013

A bola pune até em Japonês.

Grupo A - Itália 4 x 3 Japão:

É muito gratificante assistir seleções e clubes tradicionais, tanto por tudo já que fizeram pelo esporte como pelo lado místico da coisa. Muitos que estiveram quarta-feira na arena Pernambuco para ver a Azurra, inclusive, quando ela entrou no gramado, essa foi a minha primeira observação. Contudo, tão legal quanto admirar o clássico é assistir um time que disputou a primeira copa do mundo há exatos quinze e fazer uma das potências do futebol internacional ficar correndo atrás da bola por uma grande parte do jogo, mas, futebol é gol.
Entrada da bela Arena Pernambuco. (José Pereira - Tribuna do Cisco)

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Cem Vezes Forlán

Grupo B - Nigéria 1 x 2 Uruguai

Na mais africana das capitais brasileiras, a Nigéria estava em casa. Salvador abriu seus braços para receber os nigerianos e preparou um terreno hostil para que os Uruguais se sentissem no coração da África. Coração foi justamente o que não faltou na partida, especialmente por parte de um leão, que pela centésima vez, cedia sua pele para um certo manto celeste.

Em seu centésimo jogo, Forlán marca e dá a vitória a celeste. (Reuters/Tribuna do Cisco)

El Niño arrasa com o Taiti

Grupo B – Espanha 10 x 0 Taiti

No duelo entre a melhor seleção do mundo e a pior seleção da Copa das Confederações, a Espanha arrasou com os Taitianos e selou sua classificação para a semifinal, agora só depende do confronto contra a Nigéria para garantir a liderança do grupo B, já para o Taiti, restou a experiência e a festa em participar do evento.
Torres estreia no torneio e já vira artilheiro. (Getty Images/Tribuna do Cisco)

quarta-feira, 19 de junho de 2013

Terra de gigantes

Grupo A – Brasil 2 x 0 México:

O gigante acordou! Após tempos difíceis, de várias críticas e vaias da torcida, Neymar conquistou de vez o povo brasileiro, saiu aplaudido e foi aclamado por todo o mundo, o menino, embalado pelo show das arquibancadas, chamou a responsabilidade e liderança que tem, e classificou a seleção brasileira para a fase semifinal da Copa das Confederações.
Neymar se consolida como líder e coloca a seleção na semifinal. (CBF/Tribuna do Cisco)

segunda-feira, 17 de junho de 2013

Duro de assistir

Grupo B – Nigéria 6 x 1 Taiti

Antes mesmo da copa começar, todos já esperavam que esse seria o pior jogo do torneio, até deu para divertir o telespectador, mas Nigéria e Taiti fizeram um jogo horrendo, a seleção taitiana mostrou toda a sua inocência e seu amadorismo e os nigerianos se aproveitaram disso, aumentaram seu saldo de gols e lideram o grupo B com o fim da primeira rodada.
Oduamadi fez hat-trick e garante goleada nigeriana. (Marcos Ribolli/Tribuna do Cisco)

Espanha joga para o gasto e vence um Uruguai sem treinar

Grupo B – Espanha 2 x 1 Uruguai:

Futebol profissional contra futebol amador. Sendo bem niilista com a atuação do atual campeão da Copa América, podemos fazer essa comparação. O cômico é que nunca esperávamos tecer esses comentários já na primeira rodada sem o Taiti nem ter jogado. Mas o que foi visto na Arena Pernambuco, foi apenas um time de futebol nos primeiros 45 minutos e uma enrolação sem fim até o final do jogo, sendo que quase foi castigado pela covardia. Bem, quase não, foi apenas um gol de falta e só!
Espanha abre 2 a 0 e descansa até o apito final. (Getty Images/Tribuna do Cisco)

Itália vence jogo morno

Grupo A – México 1 x 2 Itália:

Encerrando a primeira rodada do grupo A, México e Itália prometiam um grande jogo, a centésima partida de Andrea Pirlo pela Azzurra foi muito monótona, faltou um pouco de vontade de ambos os lados, mas até que divertiu o público no novo Maracanã. Vivendo um período de conflitos e protestos, o jogo acabou sendo ofuscado pela “briga” entre manifestantes e policiais, todavia deixemos as revoltas para os revoltados e vamos falar de futebol.
Em seu centésimo jogo, Pirlo faz golaço e Itália vence o México. (UOL/Tribuna do Cisco)

domingo, 16 de junho de 2013

Guia Básico Sobre o Ciclismo (Parte 2)

(...)
Continuação da Parte 1.
(...)
 
As provas por etapas, por sua vez, podem ser dividias entre as preparatórias para as Grandes Voltas Ciclísticas, e as Grandes Voltas propriamente. Isso porque algumas delas, como a Paris-Nice (7 etapas), a Tirreno-Adriático (competição italiana composta também por 7 etapas, tem esse nome pois os ciclistas atravessam o país, saindo de um mar ao outro) e a Critérium du Dauphiné (competição francesa de 8 etapas e em data próxima ao Tour de France), são encaradas como preparatórias para as grandes voltas. Sendo o ciclismo um esporte de resistência, a forma física é adquirida de uma única forma, portanto - pedalando. Por isso que a participação em provas de etapas "preparatórias" é muito importante para se adquirir o condicionamento demandado nas Grandes Voltas.  

  • Tour de France
Percurso da edição centenária do Tour. (Le Tour)

Estreia tranquila, mas o placar engana

Escrito por José Pereira.

Grupo A - Brasil 3 x 0 Japão:

O resultado foi um pouco elástico, acredito que o 2x0 era um resultado mais que justo. O Brasil foi superior, dominou a posse de bola e estava fazendo a transição da defesa para o meio-campo com muita lucidez. Porém, ainda falta muita movimentação aos jogadores da frente, a seleção ainda carece muito de uma partida mais sólidas de nossos laterais, é visível a diferença quando Marcelo apoia o ataque e de como Daniel Alves está muito abaixo do que costumava ser (a temporada dele no Barcelona talvez tenha sido a sua pior com a camisa azul-grená.). Teve um lance no primeiro tempo que deixou isso muito claro, quando Hulk (ou Oscar, não lembro exatamente) estava cercado por outros quatro jogadores brasileiros e nenhum deles se movimentou para possibilitar uma jogada mais efetiva.
Neymar faz golaço e Brasil goleia o Japão. (UOL/Tribuna do Cisco)

sábado, 15 de junho de 2013

UFC 161: Um grande evento acabado pelas lesões.

Evento principal do UFC, voltando para o Canadá e, por incrível que pareça, sem GSP (para a alegria dos fãs do MMA). O evento será organizado no MTS Center, casa dos Winnipeg Jets, que voltou para a NHL (O campeonato de Hóquei no gelo dos EUA e Canadá) há duas temporadas. A cidade canadense foi sede dos jogos Pan-americanos de 1999. Essa é a única data no Canadá reservada para Winning. Montreal e Toronto ainda receberão mais eventos este ano.
Poster Oficial de hoje (gazetaesportiva.net)

sexta-feira, 14 de junho de 2013

Repleto de campeões continentais, vai começar o torneio "tapa buraco" da FIFA

Chamado de teste final para a Copa do Mundo, o Brasil está prestes a receber a Copa das Confederações, a bola já rola no sábado, com a CBF enfrentando a seleção japonesa, uma tarefa um tanto quanto “chatinha” para Felipão e Cia. A Copa das Confederações não um torneio muito valorizado para os europeus, além de desgastar os jogadores, ela é meio que um tapa buraco entre a Eurocopa e a Copa do Mundo. O Brasil é o atual bicampeão da competição, entretando o time não vem bem e deverá penar na atual edição, contudo a Tribuna preparou um pequeno guia sobre todas as seleções quês já estão no país para a disputa do torneio.
Vai começar o ensaio para a Copa do Mundo. (Tribuna do Cisco)

segunda-feira, 10 de junho de 2013

Vettel domina e vence mais uma

Não teve para Alonso e Cia, Sebastian Vettel não deu chance para ninguém, fez a pole e venceu o Grande Prêmio do Canadá, mesmo no meio da temporada, o alemão já está próximo do tetra, confirmando as expectativas. Quem também mandou bem, só para variar foi Kimi Raikkonen, o finlandês terminou em nono e igualou o recorde de Michael Schumacher, com 24 corridas pontuando, na Inglaterra, o piloto tem tudo para superar o lendário alemão.
Vettel vence mais uma e se aproxima do tetra. (Tribuna do Cisco)

sexta-feira, 7 de junho de 2013

O fracasso de um vencedor. Quem doma um vestiário galáctico?

O fim de um ciclo! Após 3 temporadas e apenas 2 títulos, um dos técnicos mais vencedores da atualidade não aguentou a barra, José Mourinho deixou o Real Madrid, foi o primeiro clube em que o português não deixou sua marca, não deixará saudades. É visível que algo de errado acontece no vestiário galáctico, os números são absurdos, muito dinheiro gasto e um déficit a cada final de temporada, a que ponto o maior e mais lendário clube da história do futebol chegou? É difícil chegar numa resposta, mas com certeza, vale uma boa reflexão, é isso que tentaremos mostrar para vocês nesse post.
Nem Mourinho deu jeito! Real vive tempos difíceis. (Geografoot)

O clube mais famoso, títulos e mais títulos, o Real Madrid sempre foi referência para os demais clubes no mundo, sempre com várias estrelas, o time conquistou da FIFA, o prêmio de melhor clube do século XX, com todo o mérito, é claro. O maior campeão espanhol e europeu, time que contrata todos os grandes craques, dinheiro nunca foi problema, Cristiano Ronaldo, Zidane e Kaká, as três maiores contratações da história do futebol, todas feitas pelo clube da capital espanhola.

segunda-feira, 3 de junho de 2013

Guia Básico Sobre o Ciclismo (Parte 1)

Prezados leitores da Tribuna do Cisco,  a partir de hoje, a Tribuna do Cisco tratará também  de triathlon e ciclismo. Como é de ciência geral da nação, ambos esportes não são tão populares se comparados aos demais tratados aqui mesmo neste blog (apesar de apresentarem acréscimo considerável de participantes e entusiastas nos últimos anos), daí a necessidade de um guia básico sobre cada um para melhor situá-los previamente antes de acompanharem as matérias por vir.

Pelotão ovacionado de perto na Amstel Gold Race de 2013. (Cycling Weekly)

domingo, 2 de junho de 2013

The Masters!

Uma semana após o fim da UEFA Champions League, a Tribuna preparou um pequeno levantamento do que melhor aconteceu na competição, melhores jogadores, melhores jogos, melhores técnicos, gols mais bonitos, ou seja, tudo que nos encantou durante toda a temporada 2012/2013, confiram e vejam se vocês concordam ou discordam.
Dominou a Europa, o Bayern conquistou a tríplice coroa. (Reuters)