domingo, 14 de abril de 2013

Brasil na América: 7° Episódio

Charles marca e o Palmeiras está classificado. (Marcos Ribolli/Tribuna do Cisco)
Timão continua soberano. (Renato Pizzutto)

Corinthians 3 x 0 San José: Encerrando o grupo 5 da Libertadores da América, o atual campeão Corinthians  aplicou uma goleada contra o time mais polêmico dessa primeira fase, o San José. O jogo foi de homenagens ao menino Kevin, morto na primeira rodada do torneio, justamente no duelo entre San José e Corinthians. O timão logo abriu o placar com o sempre eficiente Romarinho, o menino marcou e provocou o Palmeiras, dizendo que sonha enfrentar o verdão logo nas oitavas de final.
O Corinthians dominou o jogo por completo, o time boliviano não conseguiu fazer nada e por pouco, Alexandre Pato não deixou sua marca. O segundo gol veio num lance irregular, Paolo Guerrero recebeu em posição de impedimento, os árbitros nada marcaram e o peruano estufou as redes, 2 a 0 para o Corinthians.
Um jogador vem se destacando bastante nesse time alvinegro, o zagueiro Gil sempre foi um desejo da cúpula do time paulista, contratado, o bom jogador se firmou no time titular, colocando peças importantes e experientes no banco, como o próprio Chicão. Contudo o timão ampliou a vantagem, Romarinho deu um lindo passe para Edenílson que arrancou e decretou a vitória e a classificação em primeiro lugar do Corinthians, 3 a 0 e fim de grupo 
5 da Libertadores 2013.

Grêmio 0 x 0 Fluminense: No jogo mais esperado da rodada, Grêmio e Fluminense fizeram um jogo para ser esquecido, faltou objetividade, qualidade e empenho, isso foi claro. O tricolor carioca entrou muito desfalcado, sem Deco e Fred, por isso o time não teve tanta ambição durante a partida. O Grêmio só estava desfalcado de Elano, ou seja, tinha Barcos, Zé Roberto, Vargas e companhia para garantir o triunfo gaúcho.
O jogo começou e sono chegou, pois é, quem diria que esses dois grandíssimos clubes iriam fazer um jogo tão fraco, entretanto vimos uns lances bonitos, com destaque para o lateral Bruno do Fluminense que deu um lindo banho no volante Souza, que respondeu com um pontapé no lateral. O lance crucial da partida aconteceu nos minutos finais do primeiro tempo, o experiente zagueiro Cris chegou com muita vontade em Rafael Sóbis, bateu até o atacante cair, o árbitro, com um rigor excessivo, expulsou o zagueiro na hora.
Grêmio e Fluminense decepcionaram na rodada. (Lucas Uebel/Tribuna do Cisco)
O Fluminense teve um gol mal anulado na segunda etapa, o meia Rhayner foi lançado na área e empurrou para o gol, a péssima arbitragem anulou o gol e favoreceu o Grêmio. Depois disso, o jogo nem teve mais tanta emoção, os dois destaques foram as estreias de Felipe e Kléber, por Fluminense e Grêmio respectivamente.
Com o empate, as duas equipes só precisam vencer seus jogos para selarem a classificação e garantir mais dois brasileiros na fase final, o Grêmio viaja para o Chile e vai encarar seu algoz Huachipato. O Fluminense recebe o Caracas e deve se classificar com facilidade, a Tribuna fica na torcida pelos dois clubes brasileiros.

Palmeiras 1 x 0 Libertad: O time que mostrou mais raça e dedicação entre os brasileiros começa a colher bons frutos, quem apostaria numa classificação do Palmeiras e uma eliminação precoce do São Paulo? Pois é, meus amigos, o verdão recebeu o bicho papão do grupo, o Libertad do Paraguai, o visitante deu muito trabalho, o jogo foi muito pegado, mas graças a boas defesas de Fernando Prass e um futebol de primeira, o alviverde sacramentou sua classificação.
A torcida não abandonou o clube momento algum, mesmo após o vexame que o time protagonizou contra o Mirassol pelo Campeonato Paulista. O jogo deu um banho de emoção, muito melhor que o clássico brasileiro entre Grêmio e Fluminense, valeu a pena cada minuto, com muitas chances criadas, o gol do Palmeiras surgiu num lance sorte ou destino? A bola sobrou para o volante Charles que empurrou para o gol e viu o Pacaembu num estado de êxtase, o volante renegado por outros clubes vem se destacando no verdão por mostrar alma em campo, a cara do Palmeiras.
Show verde nas arquibancadas do Pacaembu.
(Marcos Ribolli/Tribuna do Cisco)
O time se segurou e contou com a força de sua torcida até o apito final, quando o árbitro Daniel Fedorczuk encerrou seus trabalhos e sacramentou a classificação antecipada do clube paulista, alívio e emoção para Gilson Kleina e seus comandados. O Palmeiras vai até o Peru duelar com o Sporting Cristal, caso vença, o time se classicará em primeiro lugar do grupo 2 e calará a boca de muitos críticos. Parabéns Palmeiras, com muita garra conseguiu a classificação e é mais um brasileiro na fase final da Taça Libertadores da América.