domingo, 17 de março de 2013

Kimito


Kimi Raikkonen usa excelente estratégia e vence em Melbourne.

Kimi Raikkonen, o primeiro vencedor da temporada 2013 da Fórmula 1. (Reuters/Tribuna do Cisco)
        Na estreia conturbada da Fórmula 1 em 2013, o finlandês Kimi Raikkonen que no meu ver, foi o melhor piloto da última temporada, conquistou o Grande Prêmio da Austrália, realizado na madrugada de hoje. O tumulto na estreia foi por conta do temporal na Austrália, em plena super pole, contudo a disputa ficou para poucas horas antes da corrida e Vettel largou na frente. O vencedor da prova, Kimi Raikkonen largou apenas em sétimo, então tudo o que rolou na prova, você confere agora.
        Uma das primeiras impressões que deu para se notar foi logo na largada, Fernando Alonso e Felipe Massa começaram muito bem, ultrapassaram Hamilton e Webber e ficaram em terceiro e segundo, respectivamente. Raikkonen, que largou em sétimo, logo saltou para a quinta colocação, o finlandês é realmente o cara.
Felipe Massa por pouco não conseguiu o pódio. (Reuters)
        Sem ser indelicado, Fernando Alonso ousou na tática e foi ao pit stop uma volta antes de Felipe Massa, com isso, o espanhol conseguiu ultrapassar o brasileiro e garantiu a segunda colocação. Kimi Raikkonen foi um dos únicos pilotos que permaneceu na pista e e atrasou a ida aos boxes, muita experiência e esperteza do piloto da Lotus.
        Estreando pela Mercedes, Lewis Hamilton foi até razoável, embora tenha sido ultrapassado por Alonso, o inglês mostra que pode e deve disputar o título da temporada, a troca de equipe pode ter sido vantajosa para Hamilton.
        O grande destaque na vitória de Raikkonen, foi a incrível performance e  resistência de sua equipe que aguentou até o fim, mesmo com uma parada a menos, foi genial. Kimi chegou com mais de dez segundos de diferença para segundo colocado Fernando Alonso, o atual bicampeão Sebastian Vettel completou o pódio em Melbourne.
Óbvio que ainda é muito cedo para falar quem vai se dar bem no mundial, porém deu para analisar muitas coisas, como por exemplo o péssimo carro da Williams, pobre do Pastor Maldonado que não completou a foto. A McLaren decepcionou na estreia, Jenson Button terminou em nono e Pérez, também estreante, ficou apenas em décimo primeiro.
Fernando Alonso e Sebastian Vettel completaram o pódio. (Reuters)
Por pouco Felipe Massa não ficou em terceiro, mas deu para notar que o brasileiro segue como terminou a última temporada, muito bem, ele lutará para fazer um mundial honroso e manter o seu emprego. O nosso próximo encontro é o Grande Prêmio de Sepang, na Malásia, o GP acontece já no próximo domingo, dia 24 de março, as equipes e pilotos vai ter que ralar bastante para bater o melhor piloto da atualidade, o finlandês Kimi Raikkonen.

Confira como terminou o GP de Melbourne:

1 - Kimi Raikkonen (FIN/Lotus-Renault) 1h30m03s225
2 - Fernando Alonso (ESP/Ferrari) - a 12s451
3 - Sebastian Vettel (ALE/RBR-Renault) - a 22s346
4 - Felipe Massa (BRA/ Ferrari) - a 33s577
5 - Lewis Hamilton (ING/Mercedes) - a 45s561
6 - Mark Webber (AUS/RBR-Renault) - a 46s800
7 - Adrian Sutil (ALE/Force India-Mercedes) - a 1m05s068
8 - Paul di Resta (ESC/Force India-Mercedes) - a 1m08s449
9 - Jenson Button (ING/McLaren-Mercedes) - a 1m21s630
10 - Romain Grosjean (FRA/Lotus-Renault) - a 1m22s759
11- Sergio Pérez (MEX/McLaren-Mercedes) - a 1m23s367
12 - Jean-EricVergne (FRA/STR-Ferrari) - a 1m23s857
13 - Esteban Gutiérrez (MEX/Sauber-Ferrari) - a 1 volta
14 - Valtteri Bottas (FIN/Williams-Renault) - a 1 volta
15 - Jules Bianchi (FRA/Marussia-Cosworth) - a 1 volta
16 - Chalres Pic (FRA/Caterham-Renault) - a 2 voltas
17 - Max Chilton (ING/Marussia-Cosworth) - a 2 voltas
18 - Giedo van der Garde (HOL/Caterham-Renault) - a 2 voltas

Não completaram:

Daniel Ricciardo (ASU/STR-Ferrari) - volta 40
Nico Rosberg (ALE/Mercedes)  - volta 26
Pastor Maldonado (VEN/Williams-Renault) - volta 25
Nico Hulkenberg (ALE/Sauber-Ferrari)  - não largou