terça-feira, 12 de março de 2013

Acelere que já vai começar


Após um longo período de férias e a pré-temporada, a temporada da Fórmula já vai começar. As novidade são grandes, Schumacher se aposentou novamente, Lewis Hamilton deixou a McLaren e assumiu o posto do alemão, a revelação Sérgio Pérez herdou a vaga de Hamilton e muito mais.
Acompanhe toda a temporada 2013 aqui na Tribuna, a casa da Fórmula 1. (Tribuna do Cisco)
Bruno Senna foi dispensado e Felipe Massa é o único representante brasileiro no mundial, ou seja, mais uma vez não teremos um brasileiro campeão mundial, se é que vocês me entendem. Contudo, a última temporada foi muito boa, a mais emocionante da história, por isso, a nova vem com tudo e os pilotos virão bastante empolgados.


RBR – A equipe inglesa, atual campeão mundial tanto de pilotos, quanto de equipes, entra mais uma vez é favoritissima, muito porque manteve Sebastian Vettel, o atual bicampeão mundial, e Mark Webber, que é um ótimo piloto, porém nunca consegue chegar ao topo.
A escuderia mudou o visual do carro e agora, o carro é roxo, será que vai dá sorte? Isso só o tempo vai dizer, mas no geral, o carro é praticamente o mesmo, a regularidade coloca a RBR como a grande favorita ao título.
Webber e Vettel com o novo carro. (Getty Images)

Ferrari – Depois de uma temporada excepcional, segundo ele, a melhor de sua carreira, Fernando Alonso pode e deve brigar pelo título, o espanhol vive seu melhor momento e conta pilota uma Ferrari, que apesar de uma grande má fase, a lendária escuderia italiana busca retomar seu posto de melhor time do mundo.
        Além de Fernando Alonso, Felipe Massa é o piloto número dois da equipe italiana, o brasileiro teve um rendimento bem razoável em 2012, com uma crescente no fim da temporada, crescente essa que o manteve na equipe em 2013, entretanto Felipe Massa não deverá brigar pelo título.

Será o ano da Ferrari? (Getty Images)
McLaren - A escuderia maios regular de 2012 perdeu sua grande sensação, Lewis Hamilton, o inglês estreou em 2007 e logo brigando pelo título, porém foi em 2008 que Hamilton despontou para o mundo se tornando o campeão mundial mais jovem da história da F1 (recentemente, Sebastian Vettel bateu esse recorde). O fato é que Hamilton trocou de equipe e correrá pela Mercedes, restou para a McLaren o também inglês Jenson Button, que também é um ótimo piloto, um dos melhores da atualidade, vale destacar que a última prova de 2012, Interlagos, foi vencida por Button, ou seja, o inglês vem também numa crescente e vai brigar pelo título.
        Para o lugar de Hamilton, veio a revelação mexicana Sérgio Pérez, na escuderia, Pérez tem uma prova de fogo e se tudo der certo, o garoto do México terá um carro competitivo para ajudar a equipe no mundial de construtores e brigar pelo título, a McLaren vem muito forte em 2013.
McLaren vem com tudo. (Getty Images)

Mercedes – Outra escuderia inglesa, a Mercedes foi muito mal na última temporada, um verdadeiro fiasco a tentativa de volta de Michael Schumacher a Fórmula 1, não deu certo e o alemão saiu de cena.
Entretanto, um outro alemão bombou e venceu uma das provas em 2012, Nico Rosberg é um projeto promissor da Mercedes para o futuro, o jovem espera ter um carro competitivo para poder almejar voos mais altos. Contratado para o lugar de Schumacher, Lewis Hamilton foi contratado a peso de ouro, o campeão do mundo em 2008 tem tudo para voltar a brigar por títulos, e agora, ele terá atenção total e prioridade da nova equipe, a mudança do inglês pode ter valido a pena.
Hamilton com a nova equipe. (Getty Images)

Lotus – De todos os pilotos da temporada 2012, quem mais se destacou foi um velho veterano de guerra, o finlandês Kimi Raikkonen passou uns tempos sumido e retornou a F1 em grande estilo, foi o piloto mais regular e, mesmo só vencendo uma prova no ano passado, Raikkonen terminou em terceiro e vem com tudo para conquistar o título em 2013.
        Diferente do piloto número 1 da escuderia inglesa, Romain Grosjean tem um parafuso a menos, isso é provado kkkkk, o maluco ficou famoso por várias presepadas no ano passado e assusta os demais pilotos em plena prova. A Lotus pode apostar todas as suas fichas em Raikkonen, pois é ele o homem que pode desequilibrar.
        Nesse final de semana, começa a temporada 2013 da maior competição automobilísta do mundo, em Melbourne, os pilotos darão o pontapé inicial do mundial, vale a pena conferir. As demais escuderias só farão figuração, como sempre, mas aqui estão todas elas com seus pilotos.
Kimi Raikkonen é a grande arma da Lotus. (Lotus oficial)

Sauber:
Nome oficial: Sauber F1 Team
Sede: Hinwil, Suíça
Chefe da equipe: Monisha Kaltenborn
Pilotos: Nico Hulkenberg e Esteban Gutierrez
(Getty Images)

Force India:
Nome oficial: Sahara Force India F1 Team
Sede: Silverstone, Inglaterra
Chefe da equipe: Vijay Mallya
Pilotos: Paul di Resta e Adrian Sutil

(Getty Images)
Williams:
Nome oficial: Williams F1 Team
Sede: Grove, Inglaterra
Chefe da equipe: Frank Williams
Pilotos: Pastor Maldonado e Valtteri Bottas
(Getty Images)

Toro Rosso:
Nome oficial: Scuderia Toro Rosso
Sede: Faenza, Itália
Chefe da equipe: Franz Tost
Pilotos: Jean-Eric Vergne e Daniel Ricciardo
(Getty Images)

Caterham:
Nome oficial: Caterham F1 Team
Sede: Leafield, Inglaterra
Chefe da equipe: Cyril Abiteboul
Diretor técnico: Mark Smith
Pilotos: Charles Pic e Giedo van der Garde
(Getty Images)

Marussia:
Nome oficial: Marussia F1 Team
Sede: Banbury, Inglaterra
Chefe da equipe: John Booth
Diretor técnico: Pat Symonds
Pilotos: Jules Bianchi e Max Chilton
(Getty Images)

Palpites da temporada 2013:

Mundial de pilotos – Sebastian Vettel.

Mundial de construtores – McLaren.