domingo, 24 de junho de 2012

Azzurra fecha o grupo dos semifinalistas


Itália 0 (4) x 0 (2) Inglaterra: Fechando o grupo dos 4 semifinalistas da UEFA Euro 2012, italianos e ingleses duelaram em um confronto de tirar o fôlego, gigantes que pareciam que iam decepcionar, mas, surpreendentemente, as duas fizeram um grande torneio e uma delas seguiu para as semis.
Italianos celebram eufóricos a classificação. (Reuters)
        A partida começou à mil por hora, no primeiro ataque do jogo, De Rossi mandou um lindo petardo, mas a bola parou na trave de Joe Hart. A Resposta inglesa veio aos 5 minutos, com Glen Johnson , que chutou da entrada da área e Buffon operou um milagre.
        Se de um lado, o astro do Manchester United, Wayne Rooney atacava, do outro, o astro do Manchester City, Mário Balotelli era quem respondia, mas o gol não queria sair. O italiano estava impossível, titular na vaga de Di Natali, Balotelli tentou aos 31, numa boa jogada de Montolivo, mas Hart defendeu. No último lance da primeira etapa, novamente Mário Balotelli arriscou e a bola foi pra fora.
Balotelli comandou o tempo normal. (Esportes UOL)
        Na etapa final, o jogo continuou sensacional, sem dúvida, o melhor jogo da fase de quartas de final da Euro 2012. Dessa vez, a Azzura veio melhor, atacando com mais precisão e na força de seus hábeis jogadores de meio campo. De Rossi, Balotelli e Montolivo, todos tentaram o gol, mas Joe Hart fechou a porteira inglesa e mantia o empate.
        Após marcar de pocheta contra a Irlanda, Balotelli dominou e arriscou de bicicleta, um lindo lance! A bola saiu desajeitada para fora. Preocupado com a situação do English Team, Hogdson colocou Carroll e Walcott. Desajeitado, Andy Carroll tentou da uma de Balotelli e meteu de bicicleta, mas o lance saiu horroroso e a Inglaterra seguia em maus lençóis.
        Prandelli respondeu colocando Nocerino e Diamanti, os meias entraram muito bem, mas o empate persistiu até o fim do jogo. Foi o primeiro 0 a 0 da UEFA Euro 2012, porém, emoção não faltou no duelo.

Prorrogação:
        A Prorrogação começou e a Itália dominava o jogo, comandados por Andrea Pirlo. A grande chance do primeiro tempo foi da Azzurra, Diamanti meteu um cruzamento com efeito e a bola parou na trave, um grande susto para Joe Hart.
Jogo duro na prorrogação. (O Globo)
        No segundo tempo, a Itália seguiu firme, atacava bem com Diamanti, já a Inglaterra, sofria e não saía para o jogo. Wayne Rooney estava pasmo, o inglês fazia apenas seu segundo jogo na Euro e via sua seleção ser dominada em campo. No finzinho da prorrogação, Diamanti, craque da partida, fez linda jogada e cruzou para Nocerino mandar pro gol, a bola entrou, mas Nocerino estava impedido e o gol foi anulado. Estava na hora das penalidades, a primeira da Euro 2012.

Pênaltis:

Itália:
Balotelli - O
Montolivo – X
Pirlo – O
Diamanti - O       


Inglaterra:  
Gerrard – O
Rooney – O
Young – X
Cole – X

Pirlo manda uma cavadinha a lá Loco Abreu. (Reuters)
        
Com a vitória nas penalidades, a Itália agora encara a favorita Alemanha, tarefa nada fácil. A Azzurra precisa melhorar muito para buscar essa vaga na final. Apesar do favoritismo alemão, a história é a favor dos italianos, que sempre levam a melhor nos confrontos diretos em competições oficiais.


Destaque: Pirlo

Inglaterra
Hart, Johnson, Lescott, Terry, Cole, Milner (Walcott), Parker (Henderson), Gerrard, Young, Rooney e Welbeck (Carroll)
Itália
Buffon, Balzaretti, Abate (Maggio), Barzagli, Bonucci, Marchisio, De Rossi (Nocerino), Montolivo, Pirlo, Balotelli e Cassano (Diamanti)
Técnico: Roy Hodgson
Técnico: Cesare Prandelli
Cartões amarelos: Barzagli, Maggio (Itália)
Estádio: Olímpico de Kiev, Kiev, Ucrânia. Data: 24/06/2012. Árbitro: Pedro Proença (POR) Auxliares: Bertino Miranda (POR) e Ricardo Santos (POR)